Textos

RIO DOCE e MARIANA


O rio era doce
sua cor era azul
A barragem traiçoeira
pintou o rio de marrom
e a tristeza  se instalou.

Mariana  chorou,
as casas ruíram
os rejeitos do mal
o rio tomou ....
Famílias  desoladas
crianças  perguntando
Por quê ?
Porque sem respostas
Enquanto a lama passeia
destilando a morte .

O enfrentamento impaciente
à procura  do reencontro
não do que foi,
mas do que será.
E os rejeitos  teimosos
engole a água limpa
Só não leva consigo  
a esperança teimosa
que sussurra num alento
-Siga em frente !
Um dia o azul do Rio voltará
a água  será boa novamente .
E  o homem ?
Aprenderá a lição?
Tomara!
VeraCalza
  
vera lucia Calza
Enviado por vera lucia Calza em 07/12/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr