Textos


 
 
Sinto-me um vácuo
Um buraco sem graça
Que esconde mistérios
Que a vida ultrapassa.
 
 
Invento uma guerra
 E corro atrás dela
 Mas a conquista é sonsa
Como uma pergunta
Mal respondida
 
Do vazio angustiante
Dias confundidos 
Com noites mal dormidas
A busca inconstante
 
Decifrando a incógnita
Descubro que sou escolhas
Entre o sim e o não
Desfaço  as bolhas
 
Descubro  que a vida
 É um jogo, um teste
Então jogo na medida
Que a vida  me mostre.
As pedras a serem mexidas.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
vera lucia Calza
Enviado por vera lucia Calza em 09/02/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários


Imagem de cabeçalho: Sergiu Bacioiu/flickr